sábado, 19 de novembro de 2011

20 de Novembro - Cristo Rei do Universo (festa móvel)

Antonello da Messina

A Igreja encerra o Ano Litúrgico com a festa de Cristo Rei. A festa foi uma das últimas celebrações instituídas pelo Papa Pio XI, na época em que o mundo passava pelo pós-guerra de 1917, marcado pelo fascismo na Itália, pelo nazismo na Alemanha, pelo comunismo na Rússia, pelo marxismo-ateu, pela crise econômica, pelos governos ditatoriais que solapavam toda a Europa, pela perseguição religiosa, pelo liberalismo e outros que levavam o mundo e o povo a afastar-se de Deus,
da religião e da fé, culminando com a 2ª Guerra Mundial.

O Papa Pio XI instituiu essa festa para que todas as coisas culminassem na plenitude em Cristo Senhor, simbolizado no que diz o Apocalipse: ”Eu sou o Alfa e o Ômega, Principio e Fim de todas as coisas.” (Ap 1, 8) Ressalta a restauração e a reparação universal realizada em Cristo Jesus, Senhor da vida e da história. Nessa festa, celebra-se também nossa participação no Reino de Deus, sob a condição de aderirmos à verdade trazida por Jesus, pela qual somos caminheiros que se dirigem à Casa do Pai, para participarmos da mesa do Reino e de assumirmos o compromisso do Evangelho. A celebração, fechando o Ano Litúrgico, traz para os cristãos a reflexão em torno da vida de Jesus que significa a salvação.

Um comentário:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir